O que tenho que fazer para ser diplomata?

url
Instituto Rio Branco, ou Palácio do Itamaraty, ou Ministério das Relações Exteriores…ou meu futuro escritório!

Vivo dizendo que quero ser diplomata, mas nunca expliquei, de verdade, como é esse concurso e essa carreira.

Primeiramente, o que é um diplomata?

É um funcionário brasileiro que cuida das relações internacionais do pais, seja dentro do próprio Brasil seja sediado em outro país. Ou seja, é alguém que viaja o mundo representando o Brasil em relação a assuntos variados.

Imagina que maravilhoso poder levar a nossa cultura para o mundo, poder falar em nome dos brasileiros ou, pelo menos, auxiliar nesses trabalhos que são tão importantes na vida política e social do nosso país.

E o que se deve fazer para ser diplomata?

É preciso ser brasileiro nato, ou seja, você precisa ter nascido no Brasil ou no estrangeiro, mas que tenha sido registrado(a) em um departamento brasileiro ou tenha optado pela nacionalidade brasileiro depois dos 18 anos. Isso é um resumo bem simplificado do artigo 14 da Constituição brasileira, desculpa aí colegas do direito por qualquer equívoco.

Também é preciso que você esteja com tudo certinho com o Direito Eleitoral e, para os homens, estar em dia com o Serviço Militar.

Além disso tudo tem só mais um detalhe, negocinho simples, coisa de nada: passar no Concurso de Admissão à Carreira Diplomática, o CACD, organizado e realizado pelo Instituto Rio Branco.

O que é esse concurso?

É um minucioso processo seletivo composto por três fases. A primeira é uma prova objetiva com oito questões, Língua Portuguesa, Língua Inglesa, História do Brasil, História Mundial, Geografia, Política Internacional, Noções de Economia e Noções de Direito (e Direito Internacional Público).

São 70 questões com quatro alternativas em que você tem que dizer se está errada ou certa. Cada alternativa vale 0,25 ponto, somando 1,0 ponto cada questão. O porém é que se você errar uma outra questão será anulada, ou seja, você não perde 0,25, mas sim 0,50.

É uma maratona, muitos textos grandes nas provas de Língua Portuguesa e Língua Inglesa. Por isso a realização é dividida em dois turnos, pela manhã a prova é de Língua Portuguesa (14 questões), de Política Internacional (12 questões) e Geografia (04 questões), à tarde é a de Língua Inglesa (13 questões), de História do Brasil (06 questões), de História Mundial (11 questões), de Noções de Direito (06 questões) e Noções de Economia (05 questões).

A nota de corte para passar depende do edital daquele ano, o mesmo acontece com o número de vagas. Em 2016, última edição do concurso, a nota foi de entre 43,75 e 45,25 pontos e havia 30 vagas, já contadas as cotas.

Passado essa primeira peneira beeeeeem tensa, enfrenta-se mais duas fases. Em anos passados essas fases eram feitas com um certo intervalo entre elas, em 2016 só houve intervalo entre a primeira e a segunda e terceira fases, foi de uns dois meses, se não me engano. A segunda e terceira fases foram feitos em uma maratona, uns 04 finais de semana seguido.

A segunda fase a subjetiva de Língua Portuguesa, tem uma redação e uma questão teórica. A terceira fase é composto por 08 provas subjetivas e objetivas, as de Geografia, de Política Internacional, de História do Brasil, de Noções de Direito e de Noções de Economia têm a mesma estrutura, uma questão em forma de dissertação.

A prova subjetiva de Língua Inglesa possui quatro questões, uma redação, um resumo e duas traduções, uma de inglês para português e outra de português para inglês. Já as de Língua Francesa e Língua Espanhola é toda objetiva, honestamente não sei quantas questões, ainda não cheguei lá.

Para que essas provas de terceira fase sejam corrigidas é preciso que a de segunda fase tenha sido aprovada. Isso tudo ainda tem que atingir o ponto de corte e ficar dentro das vagas.

Nada fácil, não é, mas é um sonho que quero realizar, por isso mesmo tenho lutado para estudar o mais eficaz possível!

Ah, preciso falar, resumidamente, o que é o Instituto Rio Branco. Esse é um lugar onde os aprovados no CACD, um recém-diplomata, recebe seu curso de “iniciação”. É chamado de Rio Branco porque é em homenagem ao patrono da diplomacia brasileira, o Barão de Rio Branco, responsável pela consolidação dos limites do território brasileiro entre o final do século XIX e início do século XX.

Esse é meu sonho, que agora já é objetivo, profissional e como devo chegar lá. Qual é o seu sonho, ou objetivo, e o que você deve fazer para o conquistar? Vai lá, acredite que é capaz e corra atrás disso!

Beijinhos e até a próxima!

Anúncios

5 comentários em “O que tenho que fazer para ser diplomata?

  1. Uauuu. Adorei o post! 🙂 Eu não tinha ideia de como era o processo para se tornar diplomata. Fiquei com uma dúvida: precisa ter alguma formação acadêmica específica? Muita boa sorte para você e que você possa conseguir realizar esse sonho! Bjos ❤

    Curtido por 1 pessoa

  2. Oi Nívia!!!!! Dei uma desaparecida mas voltei, lembra de mim? Também sou bailarina amadora e frequentadora de fóruns kkkkkk

    Formei em direito mês passado, finalmente! Não aguentava mais a rotina de faculdade, acordar cedo e tals… mas tô morrendo de saudades dos meus estágios e do balé, que só volta mês que vem.

    Respondendo a pergunta do outro post, sonho em assumir um cargo na advocacia pública, seja ela municipal, estadual ou federal. Mas se conseguir a federal, penduro as chuteiras e nunca mais faço concurso na vida kkkkkkkkk

    Nunca me interessei de verdade pela diplomacia e não fazia ideia desse tanto de provas o.O

    Mas se é seu sonho, deve correr atrás meeeeesmo, estudar bastante… sei que não é fácil, mas vamos que vamos que nossa hora chegará! Um beijo e um feliz ano novo de muitos estudos produtivos! 😀

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s